Blog Blog

Alimentação correta é a fórmula contra o intestino preso

por Tateti Brinquedos / Há 1 mês

Tem uma coisa que sempre deixa os pais muito aflitos: o mal funcionamento do intestino dos filhos. Sim, a chamada prisão de ventre é muito comum nos bebês e em crianças de todas as idades. É algo que provoca dores abdominais, inchaço na barriga, choro e mal humor e até diminui a vontade de comer. Mas, tão fácil quanto identificar esses sintomas, é a forma de tratar o problema.

A causa mais comum para o intestino preso é a alimentação inadequada, com baixo consumo de fibras e de água. Mas outros fatores também podem contribuir para isso, como a criança segurar com frequência a vontade de ir ao banheiro, não consumir líquido durante o dia, o que endurece e resseca as fezes, e não praticar exercícios físicos regulares, dificultando o metabolismo.

Uma boa mudança destes hábitos, portanto, é o caminho para garantir que o fluxo intestinal funcione direitinho. Quer algumas dicas de como cuidar da alimentação do seu filho? Então anota aí!

Alimentos para soltar o intestino

A alimentação natural é sempre a mais indicada para combater o intestino preso nos pequenos. Frutas, legumes, verduras e cereais ricos em fibras e água funcionam perfeitamente e, na maioria dos casos, dispensam o uso de medicamentos laxantes, óleos ou mesmo chás que irritam ainda mais o aparelho intestinal, podem provocar o acúmulo de gases e piorar ainda mais as dores, a sensação de incômodo e o mal-estar.

Mas quais são os alimentos mais adequados? A lista é extensa, e a variedade de produtos hortifrutigranjeiros permite uma alimentação balanceada e bem diversificada, tornando ainda mais saborosas e atraentes as refeições. A seguir, alguns exemplos do que é bom é ruim para o bom funcionamento do intestino do seu filho

Frutas
O mamão é sempre a fruta mais lembrada quando o assunto é prisão de ventre. Essa receita, inclusive, é a mais adequada também para os adultos quando têm o problema. Mas, além dele, frutas cítricas como laranja, tangerina e toranja também têm efeito positivo. Ameixa, kiwi, maracujá e pêssego podem complementar a lista. Sirva ao natural ou faça um suco bem gostoso, sempre sem acrescentar nem uma colher de açúcar. Do outro lado, especialmente durante os períodos de crises intestinais, evite dar banana, ainda que amassada, goiaba, pera e maçã, frutas que contribuem para prender o intestino.

Vegetais:
Entre as folhas, a couve e o espinafre são as mais indicadas para combater o intestino preso. Para facilitar a aceitação pelos pequenos devem ser servidas bem cozidinhas. Entre os vegetais ramosos, brócolis e couve-flor também cozidos, cumprem igualmente a função laxante. E o rabanete também pode ser uma boa pedida.

Legumes e raízes:
A relação dos bons produtos inclui cenoura, batata doce, beterraba e abóbora. Cozidos em banho maria, servidos em pedaços pequenos ou mesmo amassados, em papinha, são facilmente digeríveis pelas crianças. Mas, batata inglesa, mandioca e inhame estão entre os itens que devem ser evitados quando se manifestam os sintomas de intestino preso.

Cereais e sementes:
Aveia, farelo de trigo, sementes de abóbora, linhaça e gergelim também são ótimas opções de laxante natural. Você pode oferecer esses itens misturados no iogurte ou em uma papinha de frutas. Pode preparar também um gostoso mingau, que os menorzinhos vão adorar.

Então! Te ajudamos a enfrentar o problema? Que bom! Mas fica aqui um último recado muito importante: é preciso estar sempre atento ao desenrolar dos sintomas. Se a criança continuar com dores e a barriga sensível, se as fezes tiverem sinais de sangramento ou se o intestino não voltar a funcionar após o terceiro dia de pausa, procure logo um pediatra. Ele vai ajudar o seu filho a ficar bem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *