Blog Blog

Dia do Livro: 6 dicas para estimular a leitura pelas crianças

Há 10 meses

Dia do Livro

 

Começar a ler desde cedo tem grande influência no aprendizado e na formação da personalidade das crianças. A leitura é um hábito saudável, estimula a criatividade, melhora a escrita e o vocabulário, desenvolve o pensamento crítico e aumenta a empatia. Mas como incentivar os pequenos a ler em um mundo cada vez mais tecnológico, visual e digital?  Você sabia que 23 de abril é o Dia Internacional de Livro? E não tem data melhor para a gente refletir sobre isso, não é mesmo?  Por isso trouxemos aqui 6 dicas para ajudar você a fazer do seu filho um pequeno leitor. Anota aí?

O livro antes da alfabetização

O primeiro contato com os livros pode vir antes mesmo da criança aprender a ler. Existem livros próprios para essa idade, como aqueles de plástico com imagens coloridas e que podem ser usados até durante o banho, os livros com texturas diversas, de pano por exemplo. Todos são um ótimo começo, prendem a atenção e despertam a curiosidade, além de ensinarem o manuseio.

 

A hora da leitura

Conte histórias para as crianças enquanto elas não sabem ler. Interprete o que lê, seja interativo questionando os pequenos sobre os próximos passos da história. A leitura deve ser um hábito de toda a família, pode se tornar uma diversão agradável. Mas para que isso funcione, uma regrinha essencial tem de ser cumprida:  a TV, o celular e os aparelhos eletrônicos têm de estar desligados para evitar distrações.

 

Passeios educativos

Está com o dia livre? Visite livrarias e bibliotecas com as crianças. Normalmente há espaços dedicados à literatura infantil em que o ambiente não tem tanta formalidade. Frequentar feiras do livro é uma outra boa opção. Nelas os pequenos poderão participar de encontros com o autor, ouvir contações de história, participar de brincadeiras lúdicas inspiradas nos livros. É sempre uma experiência e tanto para a criançada.

 

O cantinho da leitura

Na medida em que a criança cresce e se interessa pela leitura, é importante ter um ambiente adequado para que ela possa desfrutar com tranquilidade de tudo o que os livros oferecem. Uma cadeira ou um pufe confortável, boa iluminação, uma estante para guardar seus títulos favoritos compõem bem esse ambiente. Além de uma escrivaninha para fazer as lições de casa, é claro. Um detalhe importante é escolher móveis acessíveis à altura de cada um para que os pequenos possam escolher o que ler com autonomia.

 

Criança tem gosto próprio

Aliás, por falar em autonomia, lembre-se que um dos objetivos da leitura é estimular o senso crítico das crianças. Por isso, não queira impor seus gostos pessoais. Ao contrário, estimule o hábito de ler dando a seu filho livros que ele pedir e do gênero que ele mais gostar.  Ainda que vez por outra possa oferecer outros tipos de conteúdo. Cuidado apenas com a recomendação da idade. Há títulos adequados para cada faixa etária.

 

A tecnologia a favor da leitura

O celular e o tablet são companheiros inseparáveis das crianças desde a primeira idade. Mas que tal utilizá-los também como um estímulo à leitura? Monte uma biblioteca virtual para o seu filho. É grande variedade de ebooks infantis disponíveis na internet, que podem ser acessados com facilidade.  Além disso, várias editoras oferecem em sites e aplicativos atividades lúdicas, complementares à história, o que vai ampliar ainda mais a relação das crianças com a leitura.

Gostou dessas ideias. Então vai aqui uma última recomendação: leia você também. Afinal, o exemplo dos pais é o melhor estímulo para os filhos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *