Blog Blog

Primeiros passos: 4 dicas para estimular o bebê a andar

por Tateti Brinquedos / Há 4 semanas

Quando o primeiro ano do bebê vai se aproximando, aumenta a expectativas dos pais. Quando meu filhote vai começar a andar? Como será quando isso vai acontecer? Não há motivos para ansiedade? Aliás, o primeiro passo é evitar comparações com outras crianças: cada um tem seu tempo, alguns podem começar a caminhar um pouco antes de fazer um ano, outros demoram um pouco mais.

Mas, embora não seja preciso ter pressa, estimular o desenvolvimento motor dos bebês faz bem. Perder o medo de dar os primeiros passos, ganhar firmeza e equilíbrio ao caminhar parecem coisas simples, mas para os pequenos tudo isso é um verdadeiro desafio. Vamos ajudá-los a vencer? Então, veja as dicas que listamos aqui para você.

 

Abra o espaço para o bebê passar

Seu bebê precisa de espaço para se desenvolver. Lembre-se que ao caminhar ele vai ver o mundo – no caso a sua casa – de uma forma diferente, por ângulos diferentes. E isso aumenta a curiosidade mas também a insegurança. Por isso pé preciso abrir espaço para a sua “aventura”. Afaste os móveis, a mesinha no centro da sala, a poltrona que fica no caminho dele. Retire, principalmente, peças que tenham pontas, guinas, que podem representar um risco no caso de quedas pelo desequilíbrio dos primeiros passos.

 

Crie incentivos para a caminhada

Objetos de desejo do seu bebê podem representar um estímulo a mais para que ele se locomova por seus próprios meios. No quarto, coloque o carrinho, a boneca favorita, num local que leve a criança a caminhar até ele. A uma altura que o obrigue a ficar em pé para pegar. Sempre sob a supervisão de um adulto, é claro. Faça o mesmo quando for brincar com ele, desafiando-o a percorrer determinada distância para chegar até você. Mas sua reação é importante: não lamente se ele não conseguir chegar, evite que se sinta frustrado. E comemore cada conquista.

 

Dê o apoio que a criança precisa

Às vezes, o que falta para o bebê andar não é o desenvolvimento físico ou motor, mas tão somente despertar sua autoconfiança. Portanto, dar apoio nos primeiros passos pode ser uma atitude das mais positivas. Segure as mãozinhas auxiliando os pequenos a manter o equilíbrio. Vá conversando com ele, palavras de estímulo e que transmitam segurança. Não se engane, seu filho entende direitinho a mensagem que você quer passar… Ah! Contar com a ajuda de andadores também pode ser uma boa medida. O cuidado é apenas escolher um equipamento confiável, certificado pelo Inmetro, para evitar acidentes.

 

Avance nas conquistas

Pronto… os primeiros passos foram dados, seu filho já começou a caminhar. Isso é uma ótima notícia, é claro. Então, chegou a hora de ir além. Para que a firmeza, o equilíbrio e a confiança se desenvolvam, é importante que os pequenos caminhem agora pelos mais variados tipos de piso. Da superfície lisa, dentro de casa, do tapetinho de borracha, podem passar para o cimento do quintal, a grama do jardim a areia da praia. Sentir essas diferentes texturas faz toda a diferença. E ainda estimula a curiosidade pela descoberta de novos universos.  Uma coisa puxa a outra, e quem ganha, sempre, é o seu filho.

 

Gostou do conteúdo?

Logo logo estaremos com mais matérias como forma de auxiliar na criança e no desenvolvimento dos pequenos. 🙂

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *